10 agosto 2008

Heróis da Fé – Abraão

Introdução

• Abrão era um semita, isto é, descendente de Sem;
• Filho de Tera, Abraão era natural da cidade de Ur dos Caldeus;
• Ur foi uma próspera cidade da Mesopotâmia localizada a cerca de 160 Km da grande Babilônia, junto ao rio Eufrates, habitada na antiguidade pelos caldeus;
• Abraão foi casado com Sara, que era sua irmã por parte de pai. Sara era uma mulher belíssima.
• Abraão se tornou um homem muito rico. Ele era dono de rebanhos, servos e servas, ouro e prata; Ele tinha vida nômade. Sua vida foi vivida debaixo de tendas.
• Abraão é considerado por muitos estudiosos como o pai do monoteísmo. Ele é o ponto comum entre as três maiores religiões monoteístas de nosso tempo: Judaísmo, Cristianismo e Islamismo;
• Em meio a uma cultura politeísta, ele respondeu com fé ao chamado do Deus único.
• Hoje, dia de homenagem aos pais, vamos refletir sobre a vida de Abraão, não só um herói da fé, mas o pai da fé.

Fatos na vida do Herói da fé

Para conhecer um pouco mais sobre Abraão, vamos ver juntos algumas das histórias que a bíblia narra a respeito desse homem:

O Chamado
1-2 O Senhor disse a Abrão: Deixa a tua terra e a tua família, o teu povo, e vai para a terra onde eu te levar. Farei que sejas pai de uma grande nação. Abençoar-te-ei e tornarei o teu nome famoso. E tu próprio serás uma bênção para muitos outros. 3 Abençoarei todos os que te fizerem bem; mas amaldiçoarei os que te fizerem mal. E por teu intermédio serão abençoados todos os povos da Terra.

4-6 E assim foi que Abrão partiu, como o Senhor lhe tinha mandado. E Ló foi também com ele. Tinha então Abrão 75 anos. E na companhia da sua mulher Sarai e de Ló, seu sobrinho, com tudo o que tinham, gado e criados que obtiveram em Harã, chegaram a Canaã. Lá vieram até um lugar perto de Siquem, e acamparam junto dum carvalho em Moré. Eram os cananeus quem habitava aquela área. (Gênesis 12:1-6)

O que você faria se Deus lhe fizesse um chamado parecido com esse? Qual seria sua resposta?

• Não, Senhor, minha vida já está toda organizada aqui mesmo;
• Senhor, é só minha opinião, mas eu acho que não precisa sair aqui de Ur para abençoar as pessoas;
• Senhor, eu realmente não sou muito exigente, então vamos deixar as coisas como estão... Eu já tenho o suficiente;
• Senhor, eu até que gosto de se chamado de teu servo, mas agora eu acho que o Senhor está se metendo demais...;

Não era muito lógico. Não fazia muito sentido sair de Ur (uma boa e próspera cidade), e levantar acampamento com família, animais, servos e servas em direção a uma terra que ele nem sabia onde era. Abraão simplesmente cumpriu aquilo que Deus tinha mandado que ele fazer. Os heróis da fé são assim, eles obedecem.

• O que você faz quando Deus fala com você? O que você faz quando a Palavra alcança o seu coração? Você arranja um desculpa sem graça e sai de fininho ou você obedece?

• O que você faz quando Deus fala que você deve perdoar a ofensa gratuita que tem consumido sua alma?

• O que você faz quando Deus lhe diz que você precisa ser paciente com as pessoas que trabalham lado a lado com você?

• O que você faz quando O Espírito de Deus fala que você deve quebrar seu orgulho e pedir perdão ao seu irmão?

• O que você faz quando o Senhor diz que você precisa ser justo com aqueles que prestam serviço para você em casa ou na empresa?

Os heróis da fé decidem obedecer, ainda que não seja fácil, ainda que não saibam exatamente como fazer, ainda que não se sintam capacitados para obedecer, ele decidem que é melhor obedecer ao Senhor.

A Mentira
10-13 Por essa altura havia uma fome terrível naquela zona; então Abrão desceu ao Egito. Ao aproximar-se dessa nova terra, pediu a Sarai, a sua mulher, que dissesse às pessoas que era sua irmã. Tu és muito bonita, disse-lhe, e quando os egípcios te virem, calculando que és a minha mulher, matar-me-ão para te ter a ti. Mas se disseres que és a minha irmã, tratar-me-ão bem por interesse por ti, e a minha vida será poupada. 14 Com efeito, quando chegaram ao Egito, toda a gente começou a falar na beleza dela.

15-16 As pessoas da corte do rei - do Faraó - foram gabá-la diante dele, e o Faraó mandou instalá-la no seu palácio. Ao mesmo tempo, por amor dela, fez muito bem a Abrão, dando-lhe presentes ricos como gado, animais de carga, e homens e mulheres como criados.

17-19 No entanto o Senhor mandou umas pragas terríveis que caíram sobre Faraó e os que viviam com ele por causa de Sarai estar ali a viver. Foi então que Faraó mandou chamar Abrão e o acusou severamente : Que é isto que me fizeste? Porque não me disseste logo que era tua mulher? Porque é que me ias deixar casar com ela dizendo que era a tua irmã? Pega nela e vai-te daqui! 20 E mandou-o embora do país, sob escolta de soldados que os acompanharam, a ele, a Sarai, e a todos e tudo quanto tinham. (Gênesis 12:10-20)

Os heróis da fé são humanos e têm suas falhas como qualquer outra pessoa. Abraão, o pai da fé, teve seus momentos de medo e insegurança. Abraão não sentiu necessidade de evocar a proteção de Deus. Ele achou que poderia resolver ele mesmo o problema que se avizinhava.

Abraão, então, bolou um plano que envolvia uma meia verdade. Sara realmente era sua meia-irmã, mas também era sua esposa. Toda meia-verdade é um mentira inteira e a mentira de Abraão era a expressão da sua falta de confiança no Senhor.

A princípio, a mentira de Abraão trouxe bons resultados. Ele foi bem tratado por Faraó, ganhou presentes caros e o status de irmão da mais bela mulher que havia aparecido por aquelas bandas nos últimos tempos.

Mas o Senhor não deixou a mentira de Abraão fosse em frente, porque havia outras conseqüências, e essas seriam trágicas para a vida tanto de Abraão quanto de Sara: eles passariam a confiar suas próprias estratégias e não aprenderiam a confiar no Senhor.

O que você faz quando a vida coloca problemas e dificuldades diante de você?

• Talvez você seja tentado a fazer como Abraão e tente resolver tudo por conta própria;
• Talvez você improvise uma meia verdade como a melhor saída;
• Talvez você até fique alegre com os primeiros resultados de sua decisão, aparentemente positivos.

O Senhor corrigiu Abraão revelando sua mentira. Deus muitas vezes faz assim com aqueles que ele deseja transformar em heróis da fé: Ele não permite que o erro prospere, Ele não deixa que os “bons resultados” encubram a atitude enganosa do coração.

Por isso, quando o Senhor revelar seus erros e suas falhas, não fique irritado, não permita que a indignação tome conta de sua alma. Seja sensível à correção do Senhor, ainda que essa correção venha da boca de alguém por quem você não tem muita simpatia, como foi o caso de Abraão.

Os heróis da fé não devem mover-se por conta própria, sem consultar o Senhor. Quando estão diante dos problemas, não devem encontrar soluções incompatíveis com sua fé, com fez Abraão, mesmo que essas decisões aparentemente pareçam dar bons resultados.

Quero encorajá-lo a aprender a esperar no Senhor Deus. Busque-o em oração. Coloque diante dele os seus medos. Certamente Ele vai cuidar de você como um pai cuida de seus filhos.

O conflito
1-2 E assim deixaram o Egito e dirigiram-se para o norte, em direção a uma região ao sul de Canaã, o Negueve. Ia com Abrão a sua mulher, Ló e tudo o que possuíam. Porque Abrão tinha-se tornado muito rico, não só em gado como em prata e ouro.

3-4 E continuou sempre para o norte em direção a Betel, até ao lugar onde tinha acampado primeiramente, entre Betel e Ai. Lá prestou novamente culto ao Senhor.

5-7 Ló também tinha enriquecido muito na companhia de Abrão, possuindo igualmente gado em abundância e muitos criados, de tal forma que aquele sítio se tornava muito acanhado para viverem juntos; porque era muito o que ambos tinham. E havia disputas entre os pastores de um e de outro. Os cananeus e os perizeus viviam por ali perto.

8-9 Então Abrão decidiu conversar seriamente com Ló sobre o assunto: Estas querelas entre a nossa gente têm que acabar. Porque a verdade é que somos parentes chegados! Ora é certo que não falta aí terra com espaço bastante para ser ocupada. O melhor portanto é separarmo-nos. Escolhe tu; eu saio daqui se quiseres ficar. Caso contrário fico eu e sais tu.

10 Ló observou então com atenção a bela e fértil planície do Jordão, bem regada como era, antes do Senhor ter destruído Sodoma e Gomorra. Toda aquela região era tão fértil que parecia o próprio jardim do Éden, ou a bela zona de Zoar, quando se entra no Egito!

11 Por isso Ló escolheu para si toda aquela planície do Jordão, que se encontrava a oriente deles. E assim deixou Abrão e foi para lá com tudo o que tinha, passando a viver no meio daquelas cidades da campina, estabelecendo-se perto de Sodoma. 12 Enquanto que Abrão continuou a viver onde estava, na terra de Canaã. (Gênesis 13:1-12)

Como é que você lida com os conflitos? Qual é sua maneira de solucionar os impasses? Que atitude você tem vontade de tomar quando está envolvido em situações desconfortáveis que precisam de uma solução?

• Talvez você seja tentado a fazer de conta que o conflito não está ocorrendo. Você simplesmente ignora a situação como se ela não existisse;
• Talvez você fique remoendo a questão e sua mente fica divagando sobre os detalhes dos problemas. Você ensaia falar, antecipa as falas do outro, pensa na resposta que vai dar, mas desiste de tudo porque “ainda não chegou a hora”;
• Talvez você sinta vontade de partir para cima da questão (e dos envolvidos) e fazer valer sua força, sua habilidade, sua superioridade e forçar a decisão em seu favor;
• Talvez você seja um negociador habilidoso e procure achar uma solução do tipo ganha-ganha onde o seu ganho seja um pouco maior do o ganho do outro.

Abraão decidiu conversar com Ló. Isso pode parecer algo muito simples, mas muitas vezes temos dificuldade de fazer. Abrão não ignorou o problema, não foi reclamar para terceiros, não ficou remoendo a questão, ele decidiu conversar com Ló.
Perceba que Abraão não procurou Ló para resolver quais eram os pastores de ovelha que tinham razão, se os dele ou se os de Ló. Ele não queria provar quem estava certo.

Por isso, Abraão foi para o âmago da questão: não fazia sentido que ele e Ló estivessem em um mesmo lugar quando havia tanta terra disponível para os dois ocuparem. Abraão queria solucionar o conflito, não apenas demonstrar que estava certo. É assim com você?

Mas Abraão era também um homem prático. Ele tinha uma solução para o conflito. Ele sugeriu que os dois se separassem. Essa proposta de Abraão não era uma estratégia de negociação com Ló. Abraão explica para Ló que está disposto a deixar que ele decida para onde quer ir. Se Ló for para um lado ele vai para outro.

• Os heróis da fé são capazes de ter prejuízos financeiros e materiais para não perder a ligação com as pessoas, porque eles entendem que a vida é mais importante que as coisas;
• Os heróis da fé são capazes de deixar o outro escolher a melhor parte, porque eles preferem os relacionamentos.
• Os heróis da fé estão dispostos a sofrer um dano pessoal em prol da solução de conflitos;

Os heróis da fé fazem assim porque confiam que independente das circunstâncias da vida o Senhor vai cuidar deles. Veja o que o Senhor disse para Abraão depois que essa questão foi solucionada:

14-17 O Senhor dirigiu-se a Abrão, depois que Lot se separou dele: Olha tão longe quanto puderes em todas as direções. Porque toda essa terra te hei-de dar a ti e aos teus descendentes. E estes virão a ser tão numerosos que, tal como acontece com os grãos de pó da terra, será impossível contá-los. Então, começa a percorrer toda a terra, em todas as direções; explora-a porque virá a ser tua.

Eu quero encorajá-lo a rever os seus conflitos nessa noite e a colocá-los diante do Senhor sob essa nova perspectiva: o Senhor cuidará de você. Por isso, preserve os relacionamentos.

A Devolução
13-16 Um dos fugitivos, que conseguira escapar, veio contar tudo a Abrão que vivia nos carvalhais que pertenciam a Mamre, o amorreu, irmão de Escol e de Aner, ambos aliados de Abrão. Quando Abrão soube que Ló tinha sido capturado, juntou todos os homens que tinham nascido ao seu serviço, ao todo trezentos e dezoito, e perseguiu as tropas vencedoras mesmo até Dan. E durante a noite atacou-as e derrotou-as, obrigando-as a fugirem, e perseguiu-as até Hoba, ao norte de Damasco, recuperando tudo que os outros tinham pilhado: as riquezas, e em particular Ló, o seu parente, e os que viviam com ele, incluindo as mulheres e o povo.

17-20 Quando Abrão regressava desta vitória contra Quedorlaomer e os reis que lhe estavam associados, no vale de Savé (hoje chamado o vale do Rei), o rei de Sodoma veio encontrar-se com ele. Melquisedeque, rei de Salém (Jerusalém), que era sacerdote do Deus altíssimo, ofereceu-lhe pão e vinho; e abençoou Abrão dizendo assim: Que a bênção do Deus supremo, Criador da Terra e de todo o universo, te seja dada, Abrão! E que seja honrado Deus que te livrou dos teus inimigos! Então Abrão deu a Melquisedeque o dízimo de tudo o que trouxera.

21 O rei de Sodoma disse-lhe: Dá-me a mim o meu povo, que foi capturado, e fica tu com tudo o que eles me roubaram da cidade. 22-24 Contudo Abrão replicou-lhe: Prometi solenemente a Deus supremo, Criador do universo e da Terra, que não ficarei com coisa nenhuma do que é teu, nem um fio sequer ou uma simples correia de sapato, para que não venhas a dizer: 'Abrão enriqueceu com o que eu lhe deixei

Há duas questões principais que precisam ser destacadas nesse texto. Elas estão ligadas à compreensão que tinha Abraão sobre a posse dos bens e da riqueza que estava em suas mãos.

Devolvendo a Deus

Voltando da batalha com os despojos da guerra, Abraão encontra-se com Melquisedeque, reis de Salém e sacerdote do Deus altíssimo. O sacerdote abençoa Abraão e glorifica a Deus pela vitória alcançada. Abraão então, entrega ao sacerdote de Deus o dízimo dos despojos de guerra.

Ainda não havia lei. Deus ainda não havia instituído os dízimos, as ofertas pacíficas, as ofertas alçadas e todas as outras formas de contribuição, mas Abraão entregou a Melquisedeque o dízimo de tudo. Abraão devolveu o que não lhe pertencia como uma expressão de confiança e gratidão ao Deus altíssimo, representado ali por aquele sacerdote.

Como anda você em relação a isso? Você se sente grato a Deus pelo que tem obtido em sua vida? Você acredita que os bens e recursos vêm às suas mãos são recebidos das mãos do Senhor como um presente dos céus? Você tem retido o que não é seu ou sente prazer e alegria em devolver ao Senhor como uma expressão de gratidão e confiança?

Quero encorajá-lo a entregar de volta ao Senhor em forma de dízimos e ofertas tudo aquilo que o Senhor lhe pedir. Não retenha o que o Senhor lhe pedir. Confie nele. Ele não só suprirá suas necessidades mas o abençoará para que você seja uma bênção, como Ele fez com Abraão.

Devolvendo às pessoas

Depois de encontra-se com Melquisedeque, Abraão encontrou com o rei de Sodoma, que havia perdido a batalha. Aquele rei, humilhado pela derrota, queria apenas que Abraão entregasse as pessoas que ele tinha resgatado. O rei de Sodoma estava pronto para abrir mão dos bens que lhe pertenciam, mas Abraão recusou-se a se aproveitar daquela situação.

22-24 Contudo Abrão replicou-lhe: Prometi solenemente a Deus supremo, Criador do universo e da Terra, que não ficarei com coisa nenhuma do que é teu, nem um fio sequer ou uma simples correia de sapato, para que não venhas a dizer: 'Abrão enriqueceu com o que eu lhe deixei’.

Qual é sua reação quando você se depara com os que foram vencidos na batalha? Como você trata aqueles que se sentem humilhados e pequenos?

• Os heróis da fé não avançam à custa das perdas daqueles que estão fragilizados e sem defesa.
• Os heróis da fé não se aproveitam daqueles que estão desesperados para vender, mas procuram pagar um preço justo pelo que compram.
• Os heróis da fé não se aproveitam da dor emocional das pessoas para extrair delas benefícios em proveito próprio, mas se dispõem a socorrer os fracos e humilhados.

Quero lhe encorajar a explorar aqueles que se sentem inferiores, mas a devolver a dignidade que eles perderam em algum lugar. Não ficarei com coisa alguma do que é teu, disse Abraão.

Conclusão

• Heróis da fé respondem em obediência quando o Senhor fala como eles.
• Heróis da fé confiam nas soluções do Senhor para os problemas da vida.
• Heróis da fé procuram resolver seus conflitos preservando os relacionamentos.
• Heróis da fé devolvem o que não lhes pertencem, tanto à Deus quanto às pessoas que os cercam.

O Senhor quer fazer de você um herói da fé.
Postar um comentário